Translator

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

As capas dos jornais e as principais notícias de Sexta-feira, 25 de Novembro de 2011.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Ténis: Tsonga OK, Nadal KO
Recuo no IVA para bebés e Cultura
Odivelas: Atropela idoso e foge
Sines: Despiste de jipe fere dois
Alpiarça: Choque faz três vítimas
V.N. Famalicão: Morre em queda
Eduardo Lourenço: Apelo à serenidade

Capa do Público Público

Não perca a nova aplicação Ípsilon iPad - Edição de 25 Nov. GRÁTIS
Mais perto da informação. Mais perto de si. Assine o Público
Opções políticas sobre sector da água devem ser clarificadas de forma urgente
Mendes afirma que Soares está a cercar, minar e condicionar Seguro
Doze restaurantes portugueses distinguidos no Guia Michelin de 2012
Antigo primeiro-ministro egípcio Kamal Gazouri encarregue de formar novo Governo
Centrais sindicais acusam Governo de manipular números da greve e admitem nova paralisação

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Matou por causa de cabra. Leva 10 anos e meio de prisão
E sindicar a greve?
Treze acusados no caso das cartas de condução
Não há maneira de meter isto no PIB?
Ambulâncias sem controlo em caso de emergência
Greve geral sobe tensão para negociações difíceis
"Êxito" da paralisação deve obrigar Governo a mudar de atitude

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Ronaldinho Gaúcho em cenas íntimas na Net
Chevron não contestará determinação de suspender actividades temporariamente
Cônsul pode ter ligações com "falso diplomata" que encobriu fuga de traficante da Rocinha
Túnel do Marão ainda sem solução à vista
Ex-ministro de Mubarak apontado para primeiro-ministro do Egipto
Benfica sem Luisão durante duas semanas
Finanças multam cauteleiro que já morreu há 16 anos

Capa do i i

Capa do Diário Económico Diário Económico

Benfica-Sporting tem 40 milhões em reforços
Rali de Portugal recupera etapa a realizar à noite
UEFA deverá entregar direitos da Liga Europa a Pais do Amaral
Delta Q arranca com nova campanha para promover Alqímia
Banca vai assumir perdas na dívida pública dos fundos de pensões
Greve acabou em confrontos e com promessa de mais protestos
Guerra de números volta a marcar paralisação geral

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

Deputados começam hoje a debater quase 600 propostas de alteração ao OE
Joseph Stiglitz: Austeridade é receita para suicídio económico
As notícias em foco na edição de hoje, dia 25 de Novembro, no Negócios
A fé ajudou Maria a ir para a rua gritar
Atingir os 100 milhões e avistar a América
BES demarca-se da acusada de espalhar boato sobre o BCP
Bolsas asiáticas completam quarta semana de quedas

Capa do Oje Oje

Fitch corta rating nacional e juros sobem
Estado reforça CGD com 100 milhões
Líderes pedem revisão dos tratados da UE
RWE quer vender unidade no Egipto
Microsoft examina contas da Yahoo
Empresários alemães mais confiantes
Tensão extra na Luz no derby pela liderança

Capa do Destak Destak

CGTP e UGT admitem nova paralisação, mas não querem "luta pela luta"
Ex-jornalista da Reuters queixa-se de violação por polícias fardados
Jornalista da France 3 declara ter sido agredida sexualmente na Praça Tahrir
New York Times elogia vida nocturna da cidade
Actividades culturais e alimentação para bebés podem manter-se na taxa reduzida de IVA
Manifestação em frente ao Parlamento resultou em sete detenções e um ferido
JK Rowling queixa-se da “sensação de invasão” dos media na vida privada

Capa do A Bola A Bola

Leonardo Jardim tem contas a ajustar com Vítor Pereira
«Um ano difícil para todos» - Jesualdo Ferreira
Desequilíbro nas contas de Kobe Bryant
«Sabemos o que queremos» - João Moutinho
Luisão com paragem de 15 dias
A BOLA juntou Eusébio e Hilário
Carrillo como arma secreta

Capa do Record Record

Leonel Olímpio luta contra o esquecimento
As voltas de Quim no palco do dragão
Ogu: «O clube certo para novo começo»
Pedro Martins: «É um jogo diferente»
Trio desbloqueador torna tudo mais fácil
Villas-Boas tremido
Dérbi com tradição pelos piores motivos

Capa do O Jogo O Jogo

Cassano mais perto do regresso
Moreirense impõe primeira derrota ao líder Atlético (3-2)
Vítor Gomes pára até final do ano
Riquelme avalia: "Messi é o melhor; Ronaldo é jogador de Playstation"
Fábio Coentrão desperta cobiça do City
Manos Inocêncio fazem equipa nas 24horas TT Vila de Fronteira
Portugal e Finlândia encontram-se nas meias-finais

OLHA, OLHA CONTINUAMOS (COMO A GRÉCIA) NO BALDE DO LIXO

Mas quem seria que não gostaria do Mário! O político, o diplomata, de uma finura extrema que, depois de andar a polir o fundo das cadeiras nas esplanadas dos café de Paris, após o dia 25 de Abril de 1974 tomou conta da "quinta Portugal", foi-se governando; dizendo umas petas aos portugueses e hoje passados quase 37 anos, estamos todos atolados na merda. 


Fitch lança Portugal para a categoria de lixo

YESSS! UAU, UAU!!! YESSS! UM FIM DE SEMANA PORREIRO!



YESSS!
the good old days!!!!!!!!!!
Clique em baixo e divirta-se! 

http://www.youtube.com/watch_popup?v=oXvJ8UquYoo&vq=large

ESTOU LIVRE.... DEIXEI DE FUMAR!

Quando o maço de cigarros custar mais que 10 Euros

O ABRIR O BAÚ DA TRISTE MEMÓRIA DE 37 ANOS QUE DEIXOU OS PORTUGUESES NUMA VIDA DE MERDA- ESCOLA DEMOCRÁTICA - 1975



O ABRIR O BAÚ DA TRISTE MEMÓRIA DE 37 ANOS QUE DEIXOU OS PORTUGUESES NUMA VIDA DE MERDA- CANTANDO OS NATAIS - 1974

.
Assim foi há quase 37 anos de quando aconteceu aquele dia tão lindo (24.5.1974) que lhe chamaram os dos cravos e da liberdade... E bem vos posso garantir que liberdade e cravos não se conjugam, mesmo nada, com a traça que se chama fome, no cantando os natais.




MISSA CANTADA E DE CORPO PRESENTE

In Notas Verbais

Missa de corpo presente e pouco mais.
0 comentários


 P.S: -A grafia acima é da responsabilidade deste blogue

A "CAMBADA" QUE NOS TEM GOVERNADO DEU NISTO...ATÉ QUANDO?

OS BONS EXEMPLOS CHEGAM-NOS DAS ALTURAS - E UM DO SENHOR SILVA


GRANDES EXEMPLOS!

CAVACO SILVA ENSINA-NOS COMO FAZER UMA ESCRITURA BEM FEITA !
No dia 9 de Julho de 1998, a notária Maria do Carmo Santos deslocou-se ao escritório de Fernando Fantasia, na empresa industrial Sapec, Rua Vítor Cordon, em Lisboa, para proceder a uma escritura especial.
  .
O casal Cavaco Silva (cerimoniosamente identificados com os títulos académicos de "Prof. Dr." e "Dra.") entregava a sua casa de férias em Montechoro, Albufeira, e recebia em troca da Constralmada - Sociedade de Construções Lda. uma nova moradia no mesmo concelho. Ambas foram avaliadas pelas partes no mesmo valor: 135 mil euros. Este tipo de permutas, entre imóveis do mesmo valor, está isento do pagamento de sisa, o imposto que antecedeu o IMI, e vigorava à época.
  .
Mas a escritura refere, na página 3, que Cavaco Silva recebe um "lote de terreno para construção", omitindo que a vivenda Gaivota Azul, no lote 18 da Urbanização da Coelha, já se encontrava em construção há cerca de nove meses.
.
Segundo o "livro de obras" que faz parte do registo da Câmara Municipal de Albufeira, as obras iniciaram-se em 10 de Outubro do ano anterior à escritura, em 1997.
.
Tal como confirma Fernando Fantasia, presente na escritura, e dono da Opi 92, que detinha 33% do capital da Constralmada, que afirmou, na quinta-feira, 20, à VISÃO que o negócio escriturado incluía a vivenda.
.
"A casa estava incluída, com certeza. Não há duas escrituras.
"Fantasia diz que a escritura devia referir "prédio", mas não é isso que ficou no documento que pode ser consultado no cartório notarial de António José Alves Soares, em Lisboa, e que o site da revista Sábado divulgou na quarta-feira à tarde.
.
Ou seja, não houve lugar a qualquer pagamento suplementar, por parte de Cavaco Silva à Constralmada.
.
A vivenda Mariani, mais pequena, e que na altura tinha mais de 20 anos, foi avaliada pelo mesmo preço da Gaivota Azul, com uma área superior (mais cerca de 500 metros quadrados), nova, e localizada em frente ao mar.
.
Fernando Fantasia refere que Montechoro "é a zona cara" de Albufeira e que a Coelha era, na altura, "uma zona deserta", para justificar a avaliação feita.
 .
A Constralmada fechou portas em 2004.
Fernando Fantasia não sabe o que aconteceu à contabilidade da empresa.
O empresário, amigo de infância e membro da Comissão de Honra da recandidatura presidencial de Cavaco Silva, não se recorda se houve "acerto de contas" entre o proprietário e a construtora.
 .
"Quem é que se lembra disso agora? A única pessoa que podia lembrar-se era o senhor Manuel Afonso [gerente da Constralmada], que já morreu, coitado..."
No momento da escritura, Manuel Afonso não estava presente.
A representar a sociedade estavam Martinho Ribeiro da Silva e Manuel Martins Parra.
Este último, já não pertencia à Constralmada desde 1996, data em que renunciou ao cargo de gerente.  Parra era, de facto, administrador da Opi 92.
  .
Outro interveniente deste processo é o arquitecto Olavo Dias, contratado para projectar a casa de Cavaco Silva nove meses antes de este ser proprietário do lote 18.
Olavo Dias é familiar do Presidente da República, por afinidade, e deu andamento ao projecto cujo alvará de construção foi aprovado no dia 22 de Setembro de 1997.
  .
A "habitação com piscina" que ocupa "620,70 m2" num terreno de mais de1800, é composta por três pisos, e acabou de ser construída, segundo os registos da Câmara a 6 de Agosto de 1999.
.
A única intervenção de Cavaco Silva nas obras deu-se poucos dias antes da conclusão, a 21 de Julho de 1999, quando requereu a prorrogação do prazo das obras (cujo prazo caducara em 25 de Junho).
.
A família Cavaco Silva ocupa, então, a moradia, em Agosto.
A licença de utilização seria passada quatro meses depois, a 3 de Dezembro, pelo vereador (actual edil de Albufeira, do PSD) Desidério Silva, desrespeitando, segundo revela hoje a edição do Público, um embargo camarário à obra, decretado em Dezembro de 1997, e nunca levantado.
  .
A VISÃO não conseguiu obter nenhum comentário do Presidente da República.
 .
 Aprendam com o nosso presidente, pois ele, só vai estar mais cinco anitos.....


Um abraço
RAM

Divagações sobre uma greve… geral

Divagações sobre uma greve… geral


 
O direito à greve é garantido a todos os jornalistas, independentemente da natureza do vínculo contratual, da posição hierárquica na empresa, da localização do posto de trabalho e da qualidade de associado.
0 comentários Hiperligações para esta mensagem 

PAULO PORTAS O SUPER BOM MINISTRO E OS TROCOS, GRANGEADOS, EM AJUDAS DE CUSTO

In Nota Verbais

24 Novembro 2011


No Conselho de Segurança

Missa de corpo presente e pouco mais.

Primarismo

Diplomacia económica? Isso é para se fazer tanto quanto ela seja possível e muito discretamente... As grandes parangonas são uma desgraça. Só produzem efeito em Freixo de Espada à Cinta.

Aspas

Alguma coisa: Paulo Portas recebe amanhã o secretário-geral da União para o Mediterrâneo, Youssef Amrani, a quem oferece um "almoço de trabalho". Não é um bom momento, este o que essa União entre aspas atravessa...

Para quê? Para ganhar reles salário de prestígio?

Sim, é verdade que Paulo Portas conduziu o debate da reta final da presidência do Conselho de Segurança, esteve nas consultas sobre o Médio Oriente, no debate sobre Timor-Leste e num encontro com o Secretário-geral da ONU e o presidente da Assembleia Geral... E depois?
.
Foi para isto? Se foi, foi para muito pouco, a somar às viagens do PR e do PM. Teria sido melhor Portugal ter facilitado o Canadá, ter poupado uns tostões na campanha e nas promoções, e fazer trabalho onde era necessário.
.
Muita prosápia. 0 comentários

Além da oratória

Ou o ministro Paulo Portas teve pouca sorte em ser ministro num momento em o País não pode ter política externa, ou a política externa anda com muita sorte por ter um ministro que lhe dá um enorme descanso.

GREVE GERAL - ADESÃO DE 60 POR CENTO DOS TRABALHADORES CONSULARES



 23 de Novembro de 2011, 16:36

Sindicato dosTrabalhadores Consulares estima adesão de 60 por cento

Lisboa, 23 nov (Lusa) -- O Sindicato dos Trabalhadores Consulares e das Missões Diplomáticas (STCDE) estima que a adesão à greve geral de quinta-feira dos funcionários da rede diplomática será de aproximadamente 60 por cento, disse hoje o secretário-geral do organismo.


 "Claro que há mais uma dezena de postos com um grau de adesão que varia entre 80, 70 e 60 por cento", acrescentou Jorge Veludo. .
"Esperamos que a adesão (à greve geral) ande por volta dos 60 por cento", disse à agência Lusa o secretário-geral do STDCE, Jorge Veludo.

"A adesão não vai ser tão elevada como é habitual, precisamente porque há muitos colegas que dizem que não podem sacrificar-se aderindo à greve, já que lhes será descontado um dia de trabalho, devido às diminuições salariais que têm pela frente ou que já lhes foram aplicadas", sublinhou Veludo.
 .
Segundo o presidente do STCDE, estarão encerrados os serviços consulares de São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro (no Brasil), Caracas (na Venezuela), de Nova Deli (na Índia) e Jacarta (Indonésia).
 .
Os serviços em Israel, Marrocos, Guiné-Bissau, Austrália (Sydnei e Camberra), Moçambique (Maputo e Beira) estarão também encerrados, assim como na Suécia, Dinamarca, Alemanha (Osnabrück e Hamburgo), Andorra, Espanha (secção consular de Madrid), Croácia e os postos de Lugano e Berna (Suíça).
 .
O dirigente referiu que ainda não há informações se os trabalhadores em Zurique e Genebra, na Suíça, farão greve.
.
O responsável sindical referiu ainda que os trabalhadores consulares vão aderir à greve "pelas mesmas razões que a generalidade dos trabalhadores da administração pública", ou seja, por causa da suspensão dos subsídios de Natal e de férias, entre outras medidas de austeridade do governo.
.
Entretanto, Veludo diz que os funcionários consulares têm ainda razões específicas para participar na greve geral.
.
"(As razões) prendem-se com o facto de não estar prevista uma compensação nos salários pelas perdas cambiais que os funcionários consulares têm vindo a sofrer, assim como pelo facto de estar prevista a eliminação de benefícios fiscais (nas áreas da educação e saúde)", referiu.
.
"Seria bom que o governo reduzisse as despesas e melhorasse as receitas através de outros processos e não estar sempre a sacrificar aqueles que trabalham e dependem dos seus salários", afirmou o sindicalista.
CSR.
        Lusa/fim

---------------------
.
TVI24 -

A adesão dos funcionários da rede diplomática à greve geral será de aproximadamente 60 por cento, segundo avança o Sindicato dos Trabalhadores Consulares e das Missões Diplomáticas (STCDE). «Esperamos que a adesão (à greve geral) ande por volta dos 60%», disse à agência Lusa Jorge Veludo, secretário-geral do STDCE.    -TVI24

    

ENTENDAM POR AÍ....NÃO FUI EU O AUTOR, MAS UNICAMENTE PUBLICO

DIVULGAMOS COMUNICAÇÃO RECEBIDA DA EMBAIXADA DE PORTUGAL EM BANGUECOQUE

Exmo(a). Senhores e Senhoras,
 .
A Embaixada de Portugal em Banguecoque apresenta os seus cumprimentos e tem a honra de junto enviar uma carta de S. Exa. o Embaixador de Portugal, Dr. Jorge Torres Pereira, dirigida à Comunidade Portuguesa informando sobre o conjunto de três iniciativas nas igrejas da Conceição, do Rosário e de Sta. Cruz, em Banguecoque, que terão lugar entre os próximos dias 8 a 11 de Dezembro, no quadro das Comemorações dos 500 anos de Relações Diplomáticas entre Portugal, para as quais também convida à participação da Comunidade Portuguesa e dos luso-descendentes.
 .
Neste contexto, muito se agradeceria também a mais ampla divulgação da carta em apreço.
 .
Com os melhores cumprimentos,
 .
Embaixada de Portugal
26 Bush Lane (Soi New Road 30)
New Road, Bangrak                                                                      
Bangkok 10500                                               
Thailand
Tel.: (+66) 2 234 7435 / (+66) 2 234 0372
Fax: (+66) 2 639 6113