Translator

domingo, 26 de fevereiro de 2012

KAOS: TURISMO DIPLOMÁTICO DO PAULO PORTAS E CAVACO SILVA

Turismo diplomático


.
A representação dos Estados Unidos em Portugal anunciou que, a partir de Março, a embaixada em Lisboa e o consulado geral em Ponta Delgada (Açores) vão deixar de emitir vistos de imigração para portugueses, passando o processo a ser assegurado pela representação norte-americana em Paris (França) – deslocação que terá de ser custeada pelo próprio candidato.
.
«Antecipando «um impacto muito grande na comunidade» com esta alteração da política de concessão de vistos, que entra em vigor em marco, José João Morais lamentou: «Nós aqui fazemos tanto pelos americanos, pelo Governo americano e depois tratam-nos desta maneira». 
.
Mas as culpas, frisou, são mais dos diplomatas portugueses que não têm «capacidade» para lidar com um país «muito difícil» como os Estados Unidos, que dos políticos americanos. 
.
E as mesmas culpas estendem-se a figuras como o Presidente da República e o ministro dos Negócios Estrangeiros, que «a única coisa que vêm cá [aos Estados Unidos] fazer é gastar dinheiro e passear», criticou.»

Sem comentários:

Enviar um comentário