Translator

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

As capas dos jornais e as principais notícias de Sábado, 11 de Fevereiro de 2012.



Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

Domingos: “Só uma equipa guerreira consegue ganhar”
Bragança: Nove graus negativos
Rio Tinto: Farmácia assaltada
Sabugal: Despiste causa morte
Évora: Seis crianças intoxicadas
Ordem para não cobrar
Diana Chaves internada

Capa do Público Público

Tenha acesso a mais informação. Torne-se assinante Público.
Presidente finlandês diz que Portugal tomou “medidas certas”
Standard and Poor’s baixa "rating" de 34 bancos italianos
Governo grego aprova acordo de dívida
Sétima vitória seguida deixa Sp. Braga no patamar do FC Porto
Cientistas da Universidade do Algarve descobrem ser vivo mais velho da Terra
Sorteio do Euromilhões (12/2012)

Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

Portugal visto da Alemanha
Preciso daquela cara, sim
Deus e a pergunta final
Constatações do óbvio
Salve, leitor minoritário:o mais saudável 'sniper',atento ao ponto e à vírgula!Opiniões e críticas de leitores do DNenviadas ao provedor
Primeiro prémio com 'jackpot' de 21 milhões na terça-feira
74% dos europeus não sabe que 112 é para toda a UE

Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

Apelo à dádiva de sangue teve resposta positiva na sexta-feira
Site da CIA atacado por hackers
Gustavo Sousa eleito presidente da associação de árbitros
Universidade dos EUA acusada de ser fábrica de diplomas
Parte dos polícias militares da Baía decide manter greve
Presidente eleito finlandês diz que Portugal tomou "medidas certas"
Guerreiros da almofada invadem Toural

Capa do i i

Capa do Diário Económico Diário Económico

Wall Street recua pela primeira vez em quatro sessões
Recibos verdes têm de declarar rendimentos até quarta
Combinação vencedora do Euromilhões
“A CGD quando tem acordos cumpre-os”
Trabalhadores da TAP querem ser ouvidos pelo ministro das Finanças
SCUT só existem num "país de fantasia"
Concorrência não se opõe à concentração entre Zon e AR Telecom

Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

S&P 500 perde pela primeira vez em seis sessões
Angola quer usar BCP para financiar a sua expansão
CGD aguarda "indicação" do Estado para definir salário dos seus gestores
Autoridade da Concorrência não se opõe à compra de activos da Ar Telecom por parte da Zon
Freguesias ameaçam fazer uma nova revolta da Janeirinha
Paulo Rangel: A balança pende muito mais para a Grécia se manter no Euro do que para sair
Santos Pereira: SCUT só existem num "país de fantasia"

Capa do A Bola A Bola

Santos desiste de Alex Silva
Capello descarta regressar a Itália
Flamengo: Treinador perdoa falhanço de Ronaldinho
Inter: Samuel pode regressar ao futebol espanhol
Palmeiras: Wesley deve assinar hoje
Padres portugueses vencem europeu de futsal
Bento Kangamba, o homem que levou Rivaldo para Angola e quer ajudar a salvar o V. Setúbal

Capa do Record Record

Guerra das estrelas está de volta
Eternamente Zé da Europa
A treinar é que a gente se entende
Edgar "puxa" N’Diaye
Lima assume corrida pela Bota de Ouro
Segunda volta prossegue hoje
Edinho gostava de continuar por mais tempo

Capa do O Jogo O Jogo

Conhé: "Tentámos ganhar o jogo"
Leonardo Jardim: "O primeiro golo mudou tudo"
Bundesliga: Wolfsburgo vence Friburgo
Danny é operado em Lisboa na próxima semana
Sp. Braga vence Setúbal (3-0) e iguala, à condição, o FC Porto
Etapa positiva para Armindo Araújo na Suécia
Sérgio Conceição: “A equipa melhorou muito desde a minha chegada”

O SENHOR SILVA DEITADO NUM COLCHÃO. ENCHIDO A PALHA DE CENTEIO, MIJADO!



Notícias - Sociedade
.
Sondagem: Pensões afundam Cavaco Silva
10-02-2012, por CM
.
O Presidente da República dá uma queda monumental na sondagem CM/Aximage e recebe nota negativa por parte dos portugueses (6,4) pela primeira vez desde que foi eleito em Março de 2006
.
Medeiros Ferreira diz ao CM que as declarações do Presidente sobre o valor das suas pensões não chegar para pagar as despesas "explica o tombo que sofreu". O analista político, que se confessa "muito preocupado, porque o Presidente é essencial para o regular funcionamento das instituições", acrescenta que há em Belém "uma falta de sentido político e estratégico".
.
Por seu lado, João Pereira Coutinho entende que "a situação é perigosa porque, pela primeira vez na história democrática deste país, temos um governo completamente à solta".
.
O analista político acrescenta que "o PS não faz oposição, excepto a ele próprio, O BE e o PCP são o BE e o PCP. Moral da história: Portugal está sem soberania e com um governo sem controlo".
.
Contactados os partidos, PS, PCP e BE convergem no essencial com as palavras do deputado socialista António Braga: "Esta é a apreciação que os portugueses fazem da insensibilidade que o Presidente da República demonstrou com as declarações que fez sobre as suas pensões." PSD e CDS não quiseram comentar.
.
Passos perde terreno para PS
.
A distância entre PS e PSD é cada vez mais estreita. Se as eleições legislativas fossem hoje, o partido de Passos Coelho ainda assim vencia com 37,5%, contra 30,3% do PS. Desde Julho de 2011 que o PSD perde, porém, terreno para António José Seguro. Na altura, os sociais-democratas reuniam 42% dos votos, contra 24% do PS.
.
PS, PCP e BE criticam PR
,
António Braga, do PS, diz que a "reacção dos portugueses era expectável". Já o deputado do BE Pedro Filipe Soares defende que "este Presidente caiu em desgraça aos olhos dos portugueses". Para o PCP, a avaliação "é inseparável de uma política responsável pelo empobrecimento dos portugueses".

OS AÇORES À MARGEM DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

 Ponta DElgada


Em Portuguese Times , 8 Fev 12, New Bedford, MA - U.S.A.

Os A c,o r e s a Margem da Segunda Guerra Mundial ~ ~
CARTA DA CALIFÓRNIA
Eduardo Mayone Dias
OS AÇORES À MARGEM DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

1. Os Prenúncios de uma Guerra

Os dias em que a população açoriana viveu paredes-meias com forças militares vindas do exterior, primeiro portuguesas e a seguir inglesas e americanas, foram precedidos por frequentes visitas de unidades navais dos países que pouco depois se enfrentariam numa sangrenta guerra.
.
Pelos meados da década de 1930 as duas grandes potências coloniais europeias, a Grã-Bretanha e a França, assim como as duas emergentes ditaduras da Alemanha e da Itália, além dos Estados Unidos, procuraram, por diferentes razões, assegurar uma forte presença militar no Atlântico. 
.
Dado que os Açores representavam uma invejável posição estratégica, esquadras estrangeiras procuraram encontrar no arquipélago bases de escala e reabastecimento.
.
Até mesmo o pequeno Portugal, na necessidade de garantir sólidas ligações com os seus territórios insulares, africanos e asiáticos, reestrurou a Armada com a construção de dois avisos de 1ª classe (fragatas), outros de 2ª classe (corvetas), vários contratorpedeiros e três submarinos.
.
Nos anos imediatamente anteriores à eclosão da Segunda Guerra Mundial os portos açorianos foram visitados por navios de guerra estrangeiros, talvez com o fim de obter informações sobre uma utilização durante a contenda mundial que se avizinhava.
-
Unidades da Royal Navy escalavam as ilhas. A Itália, que possuía uma estação de cabo submarino na Horta, aspirava a poder conseguir também aí uma base naval.
-
Sob o comando do Capitão-de-Fragata Karl Dönitz (1934-1935), futuro Comandante-Chefe da Marinha de Guerra alemã, o cruzador-escola Emden, o primeiro navio de guerra alemão a ser construído depois de 1918, realizou uma viagem de circumnavegação, durante a qual aportou a Ponta Delgada por onze dias.
.
De igual modo a navegação aérea marcou o seu interesse pelos Açores. Em 1933 ancora nas águas da Horta uma esquadrilha italiana de 24 hidroaviões, comandada pelo famoso piloto Italo Balbo. Nove dos aparelhos ficam aí e os restantes seguem para Ponta Delgada, onde um deles se afunda, causando a morte do piloto.
.
Cinco anos mais tarde chega a Ponta Delgada uma esquadrilha de quatro hidroaviões trimotores de reconhecimento, esta francesa. Deles, um voa depois até à Horta e outro atá Angra.
.
Num plano estritamente comercial, a Pan American World Airways efectua por vários anos até 1933 testes na Baía da Horta para determinar a viabilidade de uma rota transatlântica.

O plano só se vem a concretizar em 1939 com o estabelecimento de uma linha de Clippers entre Nova Iorque e Marselha, com escala no hidroporto de Cabo Ruivo, em Lisboa.(1)
.
Por esses anos Portugal não possuía evidentemente a capacidade de eficaz resistência ante uma eventual intervenção bélica nos Açores por uma potência estrangeira.
.
O Governo Português não se havia preocupado, antes de1937, em remodelar o seu Exército, que pouco evoluíra desde a Primeira Guerra Mundial. 
.
Os uniformes e o equipamento eram ainda os mesmos e mantinham-se unidades de escasso valor operacional numa guerra moderna, como por exemplo um regimento de lanceiros e um batalhão de ciclistas.
.
A motorização era virtualmente inexistente. O Batalhão de Caçadores 5 albergava os dois únicos e já ferrugentos tanques de que as forças armadas dispunham, o Pátria e o Liberdade. Utilizavam-se muares para carregar metralhadoras e para movimentar as obsoletas peças de artilharia de calibre 7,5. 
.
Outro material era transportado em carroças puxadas por garranos e guiadas por soldados pomposamente denominados condutores hipomóveis.
.
A Armada, como acima se mencionou, havia sido modernizada mas eram reduzidos os seus efectivos. A Aeronáutica Militar contava com uns 30 aparelhos, incluindo uma Esquadrilha de Bombrdeamento e a Aviação Naval dispunha de alguns hidroaviões atracados à doca do Bom Sucesso, em Lisboa.
.
Clique na imagem para a ver melhor

A Legião Portuguesa, que em 1939 havia atingido o seu auge com 53 000 filiados,oferecia contudo um triste espectáculo de falta de marcialidade.
.
A guarnição militar dos Açores compunha-se de um regimento de infantaria, aquartelado no Convento de São João em Ponta Delgada, de outro em Angra do Heroísmo(2), de um contingente de artilharia destacado para o Pico de Espalamaca, no Faial, e pouco mais..(3) Ao todo, as guarnições açorianas contavam com cerca de 4 000 efectivos.
.
NOTAS
(1) Esta linha aérea foi pouco depois descontinuada, devido à eclosão da Segunda Guerra Mundial.
.
(2) Este regimento estava aquartelado no Forte (ou Castelo) de S. João
Baptista. Daí a expressão terceirense “ir para o Castelo” no sentido geral de
cumprir o serviço militar.
.
(3) Quanto a forças paramilitares poder-se-ia mencionar os reduzidos efectivos policiais de cada distrito. integrados em 1939 no Quadro Geral da PSP e as três companhias da Guarda Fiscal, distribuídas pelos comandos de Ponta Delgada, Angra do Heroísmo e Horta.

(Continua na próxima edição)

eduardomdias@sbcglobal.net
Copyright © 1997/99 The Portuguese Times
Autorizada a reprodução de artigos publicados nesta página desde que mencionada a origem

O KAOS OS POLÍTICOS JOTINHAS E OS BETINHOS!

Ninguém faz mal ao nosso Jotinha

-
O PCP pediu a audição de Passos porque é o primeiro-ministro que tutela directamente as ‘secretas’. Os comunistas querem explicações sobre as alegadas relações entre o ex-’espião’ Jorge Silva Carvalho e o Governo numa eventual reestruturação dos serviços secretos.
.
O ministro Miguel Relvas, disse  que a possibilidade de o primeiro-ministro comparecer na comissão de Assuntos Constitucionais é um «assunto encerrado». «Esse assunto está encerrado», afirmou Miguel Relvas aos jornalistas quando questionado sobre o facto de a presidente da Assembleia da República ter anunciado hoje que, segundo a interpretação do regimento, o primeiro-ministro não é obrigado a comparecer na comissão de Assuntos Constitucionais, conforme foi requerido potestativamente pelo PCP. «O Governo sempre foi claro nessa matéria. O senhor primeiro-ministro de 15 em 15 dias estará no Parlamento para discutir com os senhores deputados.
.
Tanto trabalho para impedir o Passos Coelho de ir à comissão dos Assuntos Constitucionais mostra que há ali algum receio e como “quem tem cu tem medo” pode-se concluir que também quem faz merda tem medo. 
.
É que o assunto é grave e, se vivêssemos numa verdadeira democracia em que a Constituição faz lei e é cumprida, até poderia levar à demissão do Primeiro Ministro. Mas não vivemos e por isso é o untuoso Relvas que vem declarar; assunto encerrado. 
.
Para toque final, a hipocrisia que se lhe conhece, “O senhor primeiro-ministro de 15 em 15 dias estará no Parlamento” para responder aos deputados. Como se responder num debate parlamentar, onde já tanto Primeiro-ministro mentiu tanto com todos a consideram isso normal, (é hora de espectáculo e de fazer flores para TWer), ou numa comissão em que é questionado directamente e onde a mentira ganha outro peso institucional.
-
Que verdade tanto procuram esconder e lhes causa tanto medo?

TUDO FALTA NO MEU PAIS....ATÉ SANGUE! BANDIDOS AO PONTO QUE DEIXARAM CHEGAR O MEU PAIS!


 

 

Hospitais portugueses à beira de não ter sangue


José Manuel Levy/ Hugo Viana Melo
O fornecimento de sangue aos hospitais está em pré-ruptura. Tudo por causa de uma redução acentuada das colheitas. Os últimos dias foram particularmete dramáticos com a reduçao das colheitas de sangue em 20 por cento, o que levou o secretário de Estado da Saúde a lançar um apeloa todos os potenciais dadores.
P. S. - Era de chamar a drª Leonor Beleza, ex-ministra da Saúde de Cavaco Silva que ela sabe onde há sangue para importar do estrangeiro. Creio ainda haver por aí quem se lembre daquele sangue contaminado, com SIDA, que a ministra deu ordem para importar e matou várias pessoas. Foi julgada.... mas claro que a Maçonaria aqui actuou com toda a força plena e foi a  "espertalhona" absolvida!

    DEUS SALVE A PÁTRIA LUSA DOS PROBLEMAS IGUAIS AOS DA GRÉCIA!

    Protesto na Grécia para o parlamento votar contra novo empréstimo



    JÁ NÃO EXISTE MUITA COISA, MAS TÃO POUCA VERGONHA É QUE NÃO. 
    De um professor universitário e investigador
     
    Sabiam que o Banco de Portugal comparticipa a ( Eu diria, paga ) 100% as despesas de saúde dos seus funcionários? Quem paga isso? Somos nós os contribuintes, enquanto que a ADSE paga só aquilo que nós sabemos. Eu não sei. Só sei que o meu sistema de saúde é o SNS . Discordo completamente, que haja vários sistemas de saúde.
        É por isso que funcionários do Banco de Portugal fazem implantes dentários e os "outros implantes" que estão agora na moda às funcionárias e às mulheres dos funcionários. 
    Como é isto possível?
    E nós que somos os pagantes, ficamos calados???,,,,
     
     
    Vá bardamerda senhor Governador!
     

    A FALTA DE TRABALHO NAS TERRAS DO TIO SAM


     Não perca a chacota do Predador  pela escassez de trabalho e desemprego nos Estados Unidos

    ThePredatoryLender just uploaded a video:

    EM PORTUGAL JÁ NÃO EXISTE MUITA COISA, MAS TÃO POUCA VERGONHA É QUE NÃO.




    De um professor universitário e investigador
     
    Sabiam que o Banco de Portugal comparticipa a ( Eu diria, paga ) 100% as despesas de saúde dos seus funcionários? Quem paga isso? Somos nós os contribuintes, enquanto que a ADSE paga só aquilo que nós sabemos. Eu não sei. Só sei que o meu sistema de saúde é o SNS . Discordo completamente, que haja vários sistemas de saúde.
        É por isso que funcionários do Banco de Portugal fazem implantes dentários e os "outros implantes" que estão agora na moda às funcionárias e às mulheres dos funcionários. 
    Como é isto possível?
    E nós que somos os pagantes, ficamos calados???,,,,
     
     
    Vá bardamerda senhor Governador!
     
     .
     .
    Mas há uns senhores neste país que ganham muito mais do que a média dos funcionários públicos, que têm subsídios extras para tudo e mais alguma coisa, que cumprem com incompetência as suas funções, que recebem pensões chorudas, que vivem do dinheiro dos contribuintes como todo o Estado, mas que não foram alvo de nenhuma das medidas de austeridade que até hoje foram aplicadas aos funcionários públicos. São os meninos e meninas do BdP.
     .
    .
    No mesmo dia a comunicação social informava que as medidas de austeridade aplicadas aos funcionários públicos não seriam aplicadas aos funcionários do banco de Portugal, o argumento para tal situação era o da independência do banco.
     .
    .
    No caso do BdP o senhor Costa não só estaria a adaptar as mordomias dos funcionários públicos e pensionistas do BdP à realidade do país como estaria a dar um duplo exemplo, um exemplo porque aplica aos seus a austeridade que exige aos outros e um exemplo porque chama os seus a responder pela incompetência demonstrada enquanto entidade reguladora de bancos como o BPN ou o BPP.
     .
     .
    .
    Todas as colocações, subidas de categoria e remunerações dos funcionários públicos são divulgadas no Diário da República mas o que se passa no BDP é segredo, muito provavelmente para que o povo não saiba e assim manterem o esquema.
     .
    .
    Seria interessante, por exemplo, saber a que preço e em que condições uma boa parte do imobiliário que o banco detinha por todo o país foi transferido para o fundo de pensões dos seus dirigentes e funcionários.
    .

    AQUILO QUE PORTUGAL FOI E JÁ O NÃO É...!!!

    Herança Portuguesa/ Portuguese Heritage in the World
    .
    Clique em baixa e veja a grandeza

    O SENHOR SILVA, SEM VERGONHA NENHUMA NA CARA....DESAPAREÇA HOMEM! VOLTE ÀS ORÍGENS E À ALFARROBA!

    Grupo de Arraiolos

    O Presidente da República, Cavaco Silva, disse esta quarta-feira, na Finlândia, onde se vai reunir com os chefes de Estado do «grupo de Arraiolos», que vai mostrar que Portugal está a cumprir os compromissos, a promover «reformas estruturais» e alcançou um acordo de concertação social «que alguns podem até invejar».

    Talvez os seus amigos presidentes possam sentir inveja, mas certamente os povos desses países não terão inveja nenhuma daquilo que se passa em Portugal. Ou talvez o venham a ter quando, um dia, este povo acordar e correr com esta gente e estas políticas.

    E O SENHOR SILVA NA BUÉ....A PASSEAR!

    Mundo - Discurso setentrional

    Tiago Petinga, Lusa



    Discurso setentrional

    O Presidente da República acompanha uma demonstração de produtos a três dimensões no quartel-general da Nokia em Helsínquia. Na sua visita à Finlândia, Cavaco Silva deu conta de "uma forte esperança" de que a terceira avaliação da troika ao programa de resgate português "será também positiva" e arguiu que todos os governos da Europa "ambicionam" um acordo de concertação social como o português.

    As capas dos jornais e as principais notícias de Sexta-feira, 10 de Fevereiro de 2012.



    Capa do Correio da Manhã Correio da Manhã

    Bombeiro morre em acidente aparatoso
    António José Seguro pede explicações de Passos
    IRS: Eurodeputados pagam no País
    Há falta de sangue tipo ‘O’ e ‘A’ negativos
    Aguiar Branco responde a bispo
    Capital de risco
    Eurodeputados vão passar a pagar IRS em Portugal

    Capa do Público Público

    Tenha acesso a mais informação. Torne-se assinante Público.
    Mendes concorda com fim da tolerância de ponto no Carnaval
    Ajuda financeira à Grécia está condicionada a várias medidas
    Flexibilização do programa de ajustamento não está na mesa, garante Vítor Gaspar
    Seguro exige explicações sobre conversas “às escondidas” de Gaspar
    Jovens devem “concentrar energias” em encontrar soluções e não em “lamentar-se”, diz secretário de Estado
    Reservas de sangue dos tipos A e O negativo só dão para dois ou três dias

    Capa do Diário de Notícias Diário de Notícias

    O Piegas Coelho
    A mulher e as antigas namoradas
    Gaspar: Reajustamento da ajuda não está em cima da mesa
    Feira do sexo quer ser "mais didática"
    Feira "educativa" de sexo e erotismo
    Dados europeus desmentem subida de abortos em Portugal
    Quebra de 20 por cento nas dádivas de sangue

    Capa do Jornal de Notícias Jornal de Notícias

    Depois da Baía, polícias do Rio de Janeiro também prometem greve em pleno Carnaval
    Celebridades de vermelho em nome do coração
    Grécia só recebe ajuda se implementar mais austeridade
    Querem acabar com o bacalhau português
    Extinção de tribunais na região do Douro Sul deixa autarcas revoltados
    José Mourinho fez corte igual ao de Guardiola
    Quinta dos horrores no Algarve

    Capa do i i

    Capa do Diário Económico Diário Económico

    Ministros não se fiam do acordo grego
    Alemanha disposta a ajustar programa de resgate a Portugal
    BCE indica caminho para reestruturar dívida grega
    Economistas não antecipam novos cortes nos juros
    Emissão de dívida a 18 meses dá “balão de oxigénio” ao Tesouro
    Angola já é o quarto maior parceiro comercial português
    Schulz recua nas críticas a Portugal

    Capa do Jornal Negócios Jornal Negócios

    Vítor Gaspar: Acordo sobre resgate grego é "muito benéfico para um país como Portugal"
    A capa do Negócios da edição de hoje
    As organizações querem inovação? Mesmo?
    Os piegas não são todos iguais
    Crise europeia chegou às exportações em Dezembro
    Têxteis e calçado já entraram na fase de resistência
    As apostas on-line são parte da solução, diz o futebol

    Capa do Oje Oje

    Banca nacional com solvência assegurada
    Défice comercial cai para metade no último trimestre de 2011
    Tarifas reguladas extintas no gás e eletricidade
    Gestores da CGD, TAP, RTP, Empordef e CTT sem limite de remuneração
    Crédit Suisse regressa aos prejuízos
    Vodafone abranda subida da receita
    Banca europeia excede em 26% as exigências da EBA

    Capa do Destak Destak

    Grupo de 70 estudantes timorenses vai estudar em março para o Brasil
    Monge dissidente volta a ser detido depois de ter sido amnistiado
    Bolsa de Tóquio fechou sessão em baixa
    Explosão em Istambul causa morte de alegada rebelde curda
    Turismo de Coimbra vende hoje à noite primeiros 500 bilhetes para concerto de Madonna
    Governo apela a maiores esforços da TEPCO para conseguir novos apoios financeiros
    Polícias do Rio de Janeiro aderem à greve em vésperas do Carnaval

    Capa do A Bola A Bola

    Real Madrid quer travar final da Taça do Rei no Bernabéu
    Jovem morre quando fazia teste no Vasco da Gama
    «Pepe tenta ser ídolo com a sua agressividade» - Roberto Carlos
    «Depois da seleção não vou para lado nenhum» - Del Bosque
    Ronaldinho falha penalty mas Flamengo vence na estreia de Joel Santana
    Aperto de mão histórico
    «Aimar é um exemplo a seguir» - Garay

    Capa do Record Record

    «FC Porto não nos voltou a falar em Ganso»
    John Ogu: «Podemos trazer pontos do Dragão»
    Direção faz contas à presença europeia
    Van Persie é o novo alvo
    Terek "louco" por Edgar dá 3 milhões de euros
    Rui Duarte: «Clube é especial e sócios merecem»
    Ricardo espreita estreia a titular

    Capa do O Jogo O Jogo

    Rússia e Espanha são as finalistas
    Recuperação da Lázio vale vitória
    Siena mais perto da final da Taça
    Moreirense marca passo em Freamunde
    Aimar mais uma época na Luz
    Michelle Brito afastada na segunda ronda do Midland Dow Corning Tennis Classic
    Capel desfalca "leões"